Desenvolver criatividade e empreendedorismo através da arte

Artistas são empreendedores e não têm medo de ariscar. Podemos desenvolver nosso olhar criativo e aplicar em todo nosso cotidiano profissional. Como exemplo eu trouxe essa obra do artista René Magritte que nos faz pensar. Os grandes pintores eram pessoas, com muito talento, mas também com espírito empreendedor.

A proposta é em um encontro on line e gratuito discutirmos sobre as obras desse artista e os fundamentos do empreendedorismo e da criatividade que estão associados. Inscrições no canal do Telegram: aldaresendevivencias.

Junte-se a nossa Comunidade e desenvolva seu olhar criativo por meio de discussões das obras de grandes artistas. Roda de conversa no dia 09/09/2021 – on line e gratuita.

2021 – Canal do Telegram – aldaresendevivencias

Para todos os públicos, a partir de 12 anos, se você tem espírito empreendedor, criativo ou quer aprimorar e aprender mais sobre isso. Junte-se a nós, já são mais de 2(duas) dezenas de alunos.

Corra que tem limite de vagas.

Nunca mais fotos tortas. Melhora aparência das fotos

Quem nunca?…kkk fez aquela foto da praia com o mar subindo… ou aquele objeto desnivelado? Ou viu uma foto de barco no mar em que parecia que ele estava descendo a ladeira?

No geral, a resposta é sim. Muitas pessoas já fizeram fotos assim, e algumas ainda fazem. Eu também já fiz isso quando não sabia desse recurso.

Manda o link para aquela amiga que precisa ficar atenta a isso.

Tem um recurso muito bom, e é utilizado pelos profissionais para não deixar a imagem ficar desnivelada. Esse recurso fotográfico, não está disponível somente nas câmeras profissionais, mas no celular também tem.

São as linhas de enquadramento na tela. Com isso, não perca mais qualidade nas suas fotos. Acione esse recurso fotográfico aí no seu aparelho, vai em: câmera – configurações – linhas de enquadramento. Com esse recurso, na hora de clicar você já fica atenta, pois aparece no visor e então fica mais fácil enquadrar no que deve estar alinhado na imagem.

Quer saber mais sobre arte e fotografia? Siga nossas redes sociais.

#vivenciasforall #viverdearte #aprenderfotografia #artesanatocriativo

Empreender na arte

Empreender não é uma tarefa fácil, ainda mais quando se é ARTISTA. Muitas etapas, burocracias e habilidades são necessárias para ter sucesso no empreendimento que deseja fazer.

Você pode falhar, pois empreender exige coragem e paciência, muitas vezes os resultados não vêm rápido. Exige persistência e determinação, não se pode desistir nos primeiros obstáculos.

Observe que muitos não têm experiência de administração, mas têm sucesso, pois utilizam algumas regras de negócios para empreender com mais segurança. Os ARTISTAS EMPREENDEDORES tem essa facilidade, pois são adaptáveis.

A boa notícia é que o ARTISTA nem sempre está preocupado com lucros altos, mas com a aceitação de seu trabalho. Para isso, cultive bons relacionamentos, e isso vai fazer tudo fluir de forma leve.

Além de ter um bom networking (rede de relacionamentos), o empreendedor na arte vai precisar também saber administrar seu tempo. O tempo é algo importante para não se perder em tarefas do dia a dia e deixar as gerenciais sem atenção.

Fiz uma enquete lá no meu canal do Telegram para entender em quais desses pontos o ARTISTA EMPREENDEDOR precisa de mais informações. Gostaria muito que vocês LEITORES participassem.

Vou deixar o link aqui desse canal no Telegram que na verdade é uma COMUNIDADE DE ARTE onde a meta é contribuir a partir da troca de experiências e juntos crescermos. https://t.me/joinchat/VCjyZt21p9HApUFi

E aí, vem se juntar a nós?

Por que participar de concursos de fotografia? – parte 2

Sabe pessoal, eu percebo a cada dia a importância de participar de concursos de fotografia porque tem muitas vantagens vou explicar para vocês quais são esses benefícios e quais os concursos de fotografia mais importantes e que acontecem todos os anos.

Resolvi escrever esse post por que fiquei tão feliz quando recebi esse certificado, do Concurso Photo Nature de Fotografia e quero que você tenha essa alegria também. Esse concurso que participei é anual e organizado por um fotoclube renomado aqui do Brasil, as regras para inscrição das fotos nas categorias são bem rigorosas para que sejam aceitas.

Certificado de participação concurso Photo Nature 2021

Ao se inscrever em concursos de fotografia nacionais e internacionais você põe à prova suas habilidades na fotografia, percebe o quanto profissional/técnico já está nessa arte, também aprimora seu olhar observando as fotos que foram premiadas e conhece a tendência das fotos que estão sendo realizadas no mundo inteiro.

Inclusive você sabia que alguns concursos aceitam fotografias de celular? Como por exemplo o iPhone Photography Awards.

Além desses que mencionei, existem vários concursos interessantes, como por exemplo o International Photo Awards que oferece prêmios em dinheiro. Outro concurso é o Taylor Wessing Photographic Portrait Prize que é um importante concurso internacional de fotografia de retratos.

Todos esses concursos têm diversas categorias e temas que você pode escolher a que melhor corresponde ao seu estilo de foto, seja colorida ou preto e branco. São aceitas fotos de profissionais, amadores e amantes da fotografia, para isso é importante prestar atenção às regras de cada um. O Intenacional Photo Awards tem 13 categorias para participantes não-profissionais.

Nesse link aqui poderá ver as fotografias vencedoras do último concurso, assim poderá se inspirar para escolher a sua.

Para garantir a participação nos concursos de fotografia nacionais e internacionais é bom prestar a atenção às datas porque ocorrem durante todo o ano. Porém o que percebo de mais importante são os aprendizados que falei acima para aprimoramento do trabalho, e que também o fotógrafo que participa e é premiado vai se tornando conhecido.

Por tudo isso, eu respondo a pergunta: vale a pena participar de concursos de fotografia? A resposta é sim. E você o que acha?

O cartão ideal para câmera fotográfica

Muitas pessoas compram câmeras de fotografia todos os dias, e se preocupam tanto com qual modelo irão comprar. Porém esquecem que para aproveitar todo potencial da velocidade da câmera, muitas vezes, precisa de um bom cartão de memória. Você sabia disso?

Siga na leitura e aprenda a comprar o cartão de memória correto.

Hoje existe uma infinidade de tipos, capacidade, tamanhos de cartões de memória no mercado, por isso ocorre essa dificuldade em escolher o ideal, e muitas vezes, por falta de conhecimento, termina comprando errado. E aí o cartão não se um acessório que ajudará o fotógrafo. Um cartão com baixa velocidade pode atrapalhar a velocidade de gravação da imagem.

Têm os cartões de classe 2, 4, 6 ou 10, esse número refere-se a velocidade mínima de transferência de dados. Em razão dos valores de investimento, a diferença de aquisição de um cartão 10 vai compensar com um melhor benefício. Adquirir um cartão classe 10 ajuda bastante na qualidade do processamento. Existem várias marcas e modelos disponíveis. Esse tem um preço mais elevado, porém a durabilidade e o resultado desse cartão de memória para o seu trabalho de fotografia farão com que você fique satisfeito (a).

A classe de velocidade de vídeo é indicada pela letra V, por exemplo: V90.

Vou compartilhar um experiência minha: eu errei no início, quando comprei a câmera, e adquiri um daqueles mini-cartões que colocamos no celular, em uma das minhas saídas fotográficas, de repente comecei a ter dificuldade na velocidade do foco da câmera. Entre um clique e outro, o tempo de resposta era maior, e muitas vezes, perdia alguns lances e imagens porque a câmera fotográfica estava lenta.

Então, estou dividindo essa dica para que você não erre na hora da compra do seu cartão de memória (SD ou SDHC). Afinal dinheiro não está fácil. 😉

Gostaram dessa dica?