Sorrento | Cidade italiana encantadora

Sorrento é uma cidade italiana da região Campanha, optei por me hospedar lá porque ela fica estrategicamente bem situada entre a Costa Amalfitana e Nápoles, e foi uma escolha que proporcionou bastante agilidade nos deslocamentos porque Sorrento possui estação de trem e um sistema de transporte de ônibus bem eficiente, aliás como quase toda Europa.

A cidade me surpreendeu, Sorrento é banhada pelo mar mediterrâneo, toda construída com muralhas e no alto se tem uma vista muito bonita do vulcão Vezuvio.

Sorrento cidade italiana - no horizonte Vulcão Vezuvio
Vulcão Vezuvio – Foto AJ Imagem

 

É uma cidade pequena porém muito organizada e limpa, com um comércio onde se encontram várias lojas e restaurantes. Durante o dia em Sorrento é bem pacato e tranquilo pois há pouco movimento, mas ao final da tarde e à noite aparecem muitas pessoas para fazer o “pedonale” passeando pela Piazza Tasso que é a mais central, e é nessa praça onde tudo acontece. No final de semana à noite não passava carro, então o vai e vem dos turistas era bastante grande pela Corso Itália.

Próximo à Piazza Tasso tem a Via Correale que possui ótimos hotéis com vista para o mar Mediterrâneo. Se hospedar por aí é uma ótima pedida, pois o deslocamento a pé fica bem facilitado. Uma sugestão de passeio é sair caminhando pela Via Correale no sentido oposto à Piazza Tasso você deverá seguir para a via Cocumella e chegará ater uma vista incrível, se olhar para baixo estará o Beach Club La Marinella.

A costa italiana tem bastante pedras e poucas praias para banho, portanto prepare-se para pagar um Beach Club, caso deseje banhar-se, mas lhe digo vale a pena é uma experiência única, o custo aproximado de 15 euros por pessoa. E a água geralmente está fria, estive no mês de maio, mas o sol estava bem agradável e brilhante dava para se bronzear à vontade.

Beach Club Marinela - Sorrento Itália
Beach Club Marinela – Sorrento

Eu reservei um dia para ir às cidades da Costa Amalfintana (Amalfi e Positano), fomos até a estação de trem e lá pegamos um ônibus que vai até Amalfi, o preço foi 8 euros para o dia inteiro e você pode descer nas paradas em que ele passa tira as fotos ou faz um passeio, depois vai para a parada e aguarda o próximo ônibus. Achei muito legal, pena que não lembro o nome da empresa de ônibus, mas não tem erro, é só ir até a estação ferroviária de Sorrento que está a 10 minutos a pé da Piazza Tasso.

Depois quero contar para vocês a experiência gastronômica que tive por lá. A comida italiana é muito boa, mas o ambiente também complementa essa experiência. E encontramos um restaurante muito bonito e iluminado em que havia um pomar dentro. Bom… isso é conversa para o próximo post.

Vocês conhecem Sorrento? Tem outras dicas de lá? Compartilhe conosco nos comentários

 

Imperdível em Roma (Rome)| Castelo de Santo Ângelo. Vida de mochileira na Itália!

Roma, uma das cidades italianas mais visitadas, possui vários pontos turísticos famosos (Fontana di Trevi, Coliseu, entre outros), grande história e cultura, pois foi berço da civilização do mundo antigo. A culinária romana é indiscutivelmente saborosa e apreciada no mundo inteiro. Os povos que viviam em Roma foram conquistadores e as grandes construções e fortalezas, muitas vezes, eram para proteger e abrigar os nobres e poderosos. Nesse sentido, há em Roma uma construção pouco falada e que adorei conhecer: o  Castelo de Santo’ Ângelo, ou em italiano Castel Sant’Angelo.

Castelo Santo Ângelo - Roma - Itália
Castelo Santo Ângelo – Roma – Itália. Foto: Vivenciasforall

Esse Castelo também conhecido como Mausoléu de Adriano ou (Castel Sant’Angelo) fica às margens do Rio Tibre, diante da ponte chamada de Santo Ângelo. Como vemos na foto ele tem um formato arrendondado e fica no alto, com isso a vista para todos os lados é bem privilegiada. Foi construído para ser um Mausoléu (123 dC), porém foi utilizado com fins militares. O turista visitando Roma é importante colocar esse passeio no roteiro.

No alto há uma estátua do Arcanjo São Miguel empunhando a espada, você entra no castelo pagando um ingresso de 15,50 euros (2017) e pode percorrer todos os andares, verá um vista do Rio Tibre e dos edifícios de Roma, no alto do castelo há o terraço  onde encontra-se a estátua do arcanjo, também uma cafeteria para uma deliciosa parada e assistir ao pôr do sol. Poderá utilizar o Roma pass para entrar.

Castel Sant'Angelo - Roma - Itália. Foto AJ Imagem
Castel Sant’Angelo – Roma – Itália

Nos ambientes internos você encontra a riqueza dos adornos no teto, nas paredes e nos quadros que decoram o ambiente. Há também uma sala onde eram guardados os tesouros. Adorei fotografar por lá. Vejam na foto abaixo alguns detalhes nas pinturas e quadros italianos que decoram o local.

Castelo Sant'Angelo - Roma - Itália. Foto AJ Imagem
Castelo Sant’Ângelo – Roma – Itália

Endereço: Lungotevere Castello, 50 – Roma.

Como chegar: A estação do metrô não fica muito próxima, mas a caminhada por Roma sempre vale a pena. Da estação Termini pegue a linha A no sentido Basttitini fica próximo ao Vaticano. Também há linhas de ônibus para chegar ao local.

Se já visitou, conte-nos a sua experiência.

Canolli – o doce que experimentei em Veneza

Veneza é uma cidade italiana incrivelmente bela, romântica e tantos outros adjetivos… mundialmente conhecida pelos canais e arquitetura singular… enfim gostei demais. Depois escrevo post sobre essa cidade italiana. Hoje pretendo falar sobre comida, todos sabem que a gastronomia italiana é saborosa por suas massas e molhos, porém a experiência de degustar um doce simples, que acabei conhecendo por lá, chamou minha atenção também para as sobremesas italianas e pasticcerias (esse é o nome das docerias em italiano). Vejam só! Nem sou uma amante de doces, mas esses me conquistaram: os cannoli (cannoli é o plural de cannolo).

Os cannoli são doces provenientes da Sicília (região da Itália) formados por uma massa doce frita em formato de tubo, recheada com um creme de ricota ou creme de baunilha, ou outros recheios. Durante uma caminhada e outra, eu os vi nas ruas de Veneza em alguns estabelecimentos e não resisti, havia cannoli com recheio de baunilha e de chocolate, ambos deliciosos, sei que existem com outros tipos de recheios, mas somente vi desses dois tipos.

Ficaram conhecidos no Brasil com a divulgação do programa “Cake Boss” e com as edições do programa a Batalha dos Confeiteiros, pois o apresentador e doceiro Buddy Valastro tem a receita de cannoli apreciada e reconhecida internacionalmente. Eles são vendidos na sua confeitaria, a Carlo’s Bakery, que fica em Nova York desde 1910, para ver o site deles acesse aqui. Recentemente foi inaugurada uma doceria dessa em São Paulo. Vale ressaltar, que a origem de Buddy e de sua família é italiana.

Bem, eu nunca experimentei os cannoli da Carlo’s Bakery, mas posso afirmar que os que comi em Veneza me encantaram, encontrei uma confeitaria (não me recordo do nome), mas fica bem ao lado da Ponte Rialto em frente ao terminal de balsas onde compram-se  bilhetes para o Vaporeto, e o preço era menos de 2 euros cada um.

Com isso minha viagem a Veneza ficou bem mais doce…rsss… Já experimentaram os cannoli? Onde?